Rondônia, segunda-feira, 25 de outubro de 2021, às 00:30 [email protected] - Telefone 69 9 99475050

segunda-feira 25 outubro 2021

Caminhoneiros começam bloqueio da BR-364 em Candeias. Por enquanto, só para veículos com carga não perecível

Os primeiros reflexos da ameaça de bloqueio nas rodovias já foram sentidos nas primeiras horas da noite desta quarta-feira em Porto Velho

CANDEIAS DO JAMARI (RO) – Não é só aqui em Rondônia, mas a PRF já registrou um bloqueio à passagem de veículos pesados que tenham cargas não perecíveis, o que se iniciou no final da tarde desta quarta-feira, conforme informação dos próprios carreteiros, dando a entender que a mobilização do Dia da Pátria ainda não acabou.

Em Rondônia, caminhoneiros começaram nesta tarde a se mobilizar na cidade de Candeias do Jamari, 23 quilômetros da capital, Porto Velho.

Por volta das 19h30, a assessoria e imprensa da PRF informou que há uma mobilização no pátio de um posto em Candeias e que está havendo um bloqueio parcial em que são abordados apenas outros caminhoneiros.

Segundo um dos carreteiros, policiais rodoviários elogiaram pelo fato de não ter tido confusão “mas eles não se solidarizaram com a gente, apenas disseram demonstraram que é bem melhor que não haja problemas”. Ele se referia ao site rondoniaovivo.com que noticiou ter um PRF se solidarizado com os carreteiros.

No entanto, conforme foi anunciado há uma semana e circulou em várias redes sociais, há duas posições já tomadas. A primeira, de que o fechamento, como o iniciado nesta quarta-feira, deixará passar carros pequenos, ambulâncias e cargas perecíveis, mas em outra etapa poderá bloquear tudo.

O movimento para bloquear as rodovias federais no país já vem acontecendo em diversos estados, como Santa Catarina, Espírito Santo e Paraná, desde o início da manhã desta quarta-feira.

REFLEXOS

Os primeiros reflexos da ameaça de bloqueio nas rodovias já foram sentidos nas primeiras horas da noite desta quarta-feira em Porto Velho.

Nos postos de combustíveis, formaram-se filas de carros para encher o tanque e alguns com vasilhame para estocar combustível.

Em alguns supermercados também houve aumento da movimentação de consumidores tentando se prevenir de uma eventual escassez de alimentos.

www.expressaorondonia.com.br, com fotos do www.rondoniagora.com e dos internautas

Outras notícias