Rondônia, segunda-feira, 25 de outubro de 2021, às 00:34 [email protected] - Telefone 69 9 99475050

segunda-feira 25 outubro 2021

GIRO DE NOTÍCIAS – A ameaça que a vaca louca provoca ao agronegócio

O brilho do atleta paraolímpico Mateus Evangelista, bronze no salto em distância T-37 em Tóquio

PORTO VELHO – O aparecimento de casos da doença da “vaca louca”, no vizinho Mato Grosso, obriga os responsáveis pela vigilância veterinária sanitária rondoniense a se colocar em alerta máximo. Só o aparecimento já faz o agronegócio do Brasil perder uma dinheirama: só a China, principal mercado brasileiro, no acumulado de janeiro/julho-21, foram vendidas 490 mil toneladas, com retorno de US$ 2,493 bilhões. A China suspendeu a compra.  

ATENÇÃO

A doença da “vaca louca” é transmissível ao homem, causando uma doença semelhante à Doença de Creutzfeldt-Jakob (vDCJ).

MATEUS EVANGELISTA

O retorno do canal “esporteamazônia”, no youtube foi em grande estilo, sexta-feira, comandado pelo jornalista Divino Caetano, com a entrevista do atleta paraolímpico Mateus Evangelista, bronze no salto em distância T-37 em Tóquio, depois da prata na Rio 2016. O programa é importante porque abre espaço para o esporte local e não só para mostrar futebol.

SÍLVIO

Na entrevista, o atleta Mateus Evangelista, que contribuiu mais uma vez para que o Brasil subisse na contagem das medalhas, destacou a importância de seu “descobridor”, que ele chamou de “pai”, o professor Sílvio Corsino, por cujas mãos têm passado vários paraatletas que a seguir brilham nas seleções brasileiras em Mundiais, Parapan e Paraolimpíadas.

E O APOIO?

Bom, disso ninguém praticamente lembra: Sílvio há muitos anos vem usando a calçada e o campo do estádio Aluízio Ferreira como ninhal de novos atletas ou para ajudar pessoas com deficiência a encontrar um “norte”.

SÓ ELOGIO?

Segundo a mídia oficial o governo estadual está enaltecendo os professores que durante a pandemia têm continuado a produzir. Melhor seria se tivesse destinado um bônus para esses professores, porquê, como repete sempre um jornalista antigo entre nós: “Cumprimento e elogio não enchem barriga”.

VACINA

Não haverá vacinação anti-covid neste domingo em Porto Velho. As equipes estarão nos distritos ribeirinhos de distritos de Nazaré, Nova Mutum, Aliança e Abunã. A partir de 2ª feira o posto de aplicação o posto de vacinação na Faculdade São Lucas estará desativado e o atendimento só na Fimca e no Porto Velho shopping.

CRIANÇAS

Continua a vacinação na garotada de 12 anos , e aos que vão tomar segunda dose dentro do intervalo de 60 dias das vacinas Pfizer e AstraZenca.

FÓRMULA 1

Setenta mil pessoas viram ontem, na Holanda, o piloto Max Verstappen, da Red Bull, fazer a pole position para o Grande Prêmio da Holanda de Fórmula 1, diante de 70 mil espectadores em êxtase, enquanto Lewis Hamilton, largará em segundo lugar.

Hamilton ainda lidera, mas a três pontos de distância de Verstappen (foto). No horário de Porto Velho começa 8h30.

VEJA EM

Onde assistir: ao vivo na Band, Bandplay, BandNews FM e site da Band

PARAOLIMPÍADA

VOLEIBOL – O time feminino de voleibol sentado repetiu no Japão o bronze da Rio 2016; o masculino ficou em 4º. GOOLBALL – O time masculino bateu a China e levou o ouro; o feminino ficou em 4º lugar. DANIEL DIAS – Com 27 medalhas paraolímpicas, o nadador brasileiro Daniel Dias foi um dos seis atletas eleitos membro do Conselho dos Atletas do Comitê Paraolímpico Internacional. FUTEBOL – O Futebol de Cinco venceu a Argentina e ficou com o ouro paraolímpico, pela quinta vez consecutiva. Espera-se que não repita o time do Tite que só “sonha” com o hexa.

Por: JLA Cavalcanti e equipe, com informações de www.agenciabrasil.ebc.com.br

Outras notícias